Ir para conteúdo
Close
TutoriaisView

Novidade, docker no uso da criação de otservs

Posts Recomendados

 

Olá, tudo bem?

Quem nunca começou a montar seu servidor e teve problemas na hora de compilar? Pelo menos no que se diz em relação ao linux, por possuir vários sabores (distros-distribuições), eu tive, você vê um tutorial, seguia passo a passo e na hora que você executava dava errado, é... comigo também aconteceu. Só que pensando na comunidade descobri algumas técnicas de como resolver isso e decidi trazer e agregar o conhecimento à comunidade.

Eu venho falar sobre o docker, falar sobre o surgimento e com profundidade sobre ele ocuparia espaço por demais, mas a documentação é bem explicativa. Como funciona, é uma forma de virtualização, é possível criar a imagem de um, por ex., debian 8, dentro de um centOS 7. Mas isso já não é possível? Eu diria que não, pois o que se tem é a criação de uma maquina virtual e não só apenas a imagem do S.O. que se deseja utilizar. Essa imagem terá libs e binários próprios, só que compartilhará o mesmo kernel da sua máquina, sendo possível você ter uma maquina x e usar uma container y para compilar seu ot, e outra para deixar se site online, e outro ainda, para gerenciar seu banco de dados.

Gosto muito de uma frase que ouvi, comparando o docker e VM com animais de estimação e bóis. Suas VMs são como bichinhos de estimação, pois você tem todo um zelo com ela, se da problema você cuida, perde tempo, e gasta se for possível para reparar. Porém o boi não, se ficar doente você descarta e pega outro, se não está servindo mais você não vai perder tanto tempo, isso é o docker, pois são extremamente fáceis de subir, sendo possível subi-los com apenas uma linha de comando, e com tudo o que você precisa, prontos só para compilar, sem necessidade de baixar as libs. Pode-se usar ainda de uma tecnologia que acompanha o docker, que é o docker-compose. Este ficará em um próximo tuto.

Com o docker há um melhor gerenciamento de consumo de recursos de sua máquina (tanto virtual quanto física), pois, imagine que você recebe a tarefa de executar várias funções ao mesmo tempo, mesmo tempo várias ferramentas que te auxiliem, ainda sim, você será sobrecarregado, agora situação diferente, é quando as tarefas delegadas a você são divididas em mais pessoas, com as mesmas ferramentas. E outra coisa, é pelo fato de que se você quiser excluir uma aplicação da sua máquina é só desinstalar o docker, sem o risco de ainda ficar pacotes em sua máquina.

Mas eu acredito ser a maior vantagem, é a automatização, por meio de dockerfile, ou docker-composes. Onde eu escrevo como será executada a função e o que ela vai criar, e qualquer pessoa pode pegar esse meu documento e com uma linha de comando abrir a imagem que foi criada por mim ou qualquer outra pessoa. Vou mostra como pode ser um esqueleto simples de uma dockerfiler:

FROM debian:8

RUN apt-get update && apt-get -y upgrade && apt-get install -y mais as libs para compilar.

Com isto e  o comando docker build -t nomedaimagem e ponsto . com espaço. Parecido com makefile né? Eu penso que sim.

Você vai criar uma máquina com essas características, fácil não? Não, então assista ao meu video. 

Vai acabar aquela história de que na minha máquina não funcionou, help-me please. Em relação a compilar.

Pessoal comandos a serem executados estarão no video, beleza? O tuto, já está longo por demais e lá já estão expostos. E mostrando como são utilizados. Não esqueçam de deixa seu like e inscreverem-se em meu canal, há, claro, não esqueçam de dar um rep+ aí se gostaram.

Falou, até a próxima, e desculpa pelo tamanho do texto, mas como se trata de algo novo, não achei legal colocar em poucas linha sem explicar sua utilidade. E também por ser um assunto tão rico, ahhh, quase já ia me esquecendo, essa tecnologia não é exclusividade do linux, podendo ser usada no windos e MacOs, tem que ser 64bit. Vocês podem criar maquinas Debian 8, por ex., em seu windows e conectá-las por uma simples particula na linha de comando de criação do container.

Ufa, agora já é tudo o que me cabia aqui, voltarei com maiores explicações.

Se foi postado em lugar indevido, peço que mande para o lugar certo.


Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns, seu tópico de conteúdo foi aprovado!
Muito obrigado pela sua contribuição, nós do Tibia King agradecemos.
Seu conteúdo com certeza ajudará à muitos outros, você recebeu +1 REP.

Spoiler

Congratulations, your content has been approved!
Thank you for your contribution, we of Tibia King we are grateful.
Your content will help many other users, you received +1 REP.

 


Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Achei interessante o assunto, muito obrigado por disseminar o conhecimento e com certeza vou estar utilizando o docker no futuro próximo. A respeito do tópico, eu achei que ficou muito confuso tanto o vídeo quanto a formatação do texto.

REP +


Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
51 minutos atrás, Werner disse:

Parabéns, seu tópico de conteúdo foi aprovado!
Muito obrigado pela sua contribuição, nós do Tibia King agradecemos.
Seu conteúdo com certeza ajudará à muitos outros, você recebeu +1 REP.

26 minutos atrás, Ments disse:

Achei interessante o assunto, muito obrigado por disseminar o conhecimento e com certeza vou estar utilizando o docker no futuro próximo. A respeito do tópico, eu achei que ficou muito confuso tanto o vídeo quanto a formatação do texto.

REP +

 

 

kkkk, faz parte, para quem não está familiarizado com o docker, a princípio fica meio abstrato mesmo o contexto de uso, Até mesmo pelas terminologias, que podem ser dokcer, container, imagem. E as suas característias, mas eu vou trazer alguns videos explicando melhor, este primeiro video foi para apresentar as possibilidades. Se fosse descarregar tudo de uma vez ia ficar um video muito grande, e correria o risco de ficar, por demais, incompleto. Mas valeu pela critica.

 


Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A ideia é já deixar todo o ambiente preparado, estou testando um, onde o ot ficar na imagem do debian 8, toda pronta com as lib já instaladas, só descarregar o ot e compilar, o mysql, php, ngnixz fiquem no Alpine, por ser muito leve e o phpmyadmin no CentOS. Eu testei e o resultado foi bom. Só tenho que corrigir uma coisa que não gostei, e o bacana é que depois com uma linha só de comando, coloco tudo para rodar novamente.


Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Participe da conversa

Você pode postar agora e se cadastrar mais tarde. Se você tem uma conta, faça o login para postar com sua conta.

Visitante
Responder

×   Você colou conteúdo com formatação.   Remover formatação

  Apenas 75 emojis são permitidos.

×   Seu link foi automaticamente incorporado.   Mostrar como link

×   Seu conteúdo anterior foi restaurado.   Limpar o editor

×   Não é possível colar imagens diretamente. Carregar ou inserir imagens do URL.


Open Tibia Server

Quer aprender a criar seu próprio servidor de Tibia? Então está no lugar certo, aqui você encontrará milhares de tutorias, scripts, códigos, mapas e utilitários para que você possa fazer o seu próprio servidor de Tibia partindo do zero.

Redes Sociais

Anuncie no Tibia King

Precisa de mais visibilidade em seus projetos? Quer publicidade para o seu servidor? Anuncie no Tibia King e faça sua divulgação, possuímos centenas de acessos simultâneos e milhares diários, com certeza será a sua solução! A publicação do seu anuncio é instantânea!

×
×
  • Criar Novo...