Jump to content
Close

Search the Community

Showing results for tags 'debian'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Community
    • Rules
    • Portal
    • Resources
    • Commerce
    • Clubs
  • OTServers
    • Discussion
    • Support
    • Tutorial
    • Download
    • Code Development
    • Contests and Events
    • Form Team
    • Advertise your Server
  • Tibia Bots
    • Discussion
  • League of Legends's Geral
  • League of Legends's Suporte
  • Jogos Gerais's Geral
  • Nto New Season's Tópicos
  • Fakes's Fakes
  • Tibia's Geral
  • Tibia's Notícias
  • Tibia's Media
  • Tibia's Life Thread
  • Gráficos's Geral
  • Gráficos's Tutoriais
  • Gráficos's Recursos
  • Gráficos's Aprendizagem & Recursos
  • Gráficos's Galeria
  • Gráficos's Duelos & Batalhas
  • Gráficos's Suporte
  • Desenvolvimento e Programação's Geral
  • Desenvolvimento e Programação's Tutoriais
  • Desenvolvimento e Programação's Trabalhos
  • Desenvolvimento e Programação's Suporte
  • Computação's Geral
  • Computação's Dicas e Tutoriais
  • Computação's Suporte
  • Roleplaying's Roleplaying
  • Playground's (Off-topic)
  • Divulgações's Tópicos

Calendars

  • Official Calendar
  • OTServs Calendar
  • Several Calendars

Product Groups

  • Advertisements in Top
  • Advertisements In Signatures
  • Advertisements in Topics
  • Others Advertisements

Categories

  • Sales Section
    • Scripting Sales
    • Codes Sales
    • Mapping Sales
    • Websites Sales
    • Design/Sprites Sales
    • Bots Sales
  • Look Jobs
  • Looking for Freelancers
  • Team Formation

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Localization


My character


Favorite OTServ


Bot preferred


Interests

Found 12 results

  1. Olá, estou usando o TFS 1.0 versão do tibia 10.53 E no console fica aparecendo o erro: [servicePort::open] Error: bind: Address already in use Gostaria de saber se isso é normal, e se não, qual o procedimento a se tomar ! SO - Debian 6 - 64bits
  2. Pessoal, bom dia, aluguei um máquina parruda na Contabo, o servidor deles eu testei uma vez, foi show de bola! Como resolvi abrir um Otserver novamente, resolvi usar o mesmo Host... A questão é que, quase tudo que eu tento instalar dá esse erro de "E: Unable To Locate Package" Com isso não consigo instalar o phpmyadmin, nem o Mysql... Vi alguns tutoriais sobre o sources.list na pasta /etc/apt. Fiz as alterações, mas ainda não funciona. Poderiam me ajudar com essa questão? Obrigado desde já!
  3. Compilando OTServer em Linux (Testado em Debian7 e Ubuntu14.04) Olá TibiaKing! Venho trazendo um tutorial muito útil para aqueles que não faz a mínima ideia de como compilar um OT de uma forma simples! Funciona somente com sources de TFS 1.x Primeiro de tudo, você tem que ter a Source e o OT que deseja compilar. Então 'LETS GO'! Programas para instalar PuTTY para conectar via SSH. (aqui) FilleZila Client para ter acesso aos arquivos da máquina. (aqui) Começando Ao instalar os programas, abra o Fillezila. Em Host, Nome de Usuário, Senha, Port (padrão 22), coloque oque te passaram pelo email quando comprou o Dedicado Ao logar, volte uma pasta, renomeie a pasta do seu ot para "otserv" e coloque a pasta "sources" dentro da pasta do seu ot, e mova para o Fillezila, ficando em /otserv Ao mover basta compilar, configurar e deixar online. Abrindo o PuTTY Agora você precisará usar o PuTTY. Abra ele e siga as imagens abaixo: ---- ---- ---- ----- Instalando arquivos necessários Bom, depois que o Shell estiver aberto, vamos instalar os arquivos necessários para compilar, incluindo Apache e MySQL. Com o Shell aberto execute este comando para atualizar o sistema: apt-get update (OBS: NUNCA USE #apt-get upgrade) Logo depois execute: apt-get install cmake build-essential liblua5.2-dev libgmp3-dev libmysqlclient-dev libboost-system-dev apache2 php5 libapache2-mod-php5 php5-mysql mysql-server phpmyadmin Após carregar tudo, irá pedir abrir duas telas com caixas de seleção, a primeira você marque "apache2" e dê enter, na segunda você seleciona "yes", e coloque a senha do MYSQL. Compilando seu OTServ Chegou a hora do tão esperando momento! Para compilar seu otserv navegue até a pasta das sources, executa o comando de compilar, e mova o arquivo "tfs" para a pasta do seu OT. Seguindo estes comandos: cd otserv/sources mkdir build cd build cmake .. make mv tfs /otserv Pronto, OT compilado, fácil né? Para abrir certifique que seu config.lua está de acordo com a sua necessidade. Deixando seu OTServ online Depois de compilar, configurar o seu OTServ do jeito que você quiser, é hora de deixar seu OT online! Para deixar o OT online, você precisa ir para pasta do seu otserv e executar o comando #./tfs Siga os comandos: cd /otserv ./tfs Pronto! Só esperar carregar e SERVER ON! Outros e dicas A pasta para colocar seu site fica em /var/www Se quiser deixar seu servidor online e com o Plutty fechado, antes de abrir execute este comando apt-get install screen Logo depois, use este comando, depois só abrir o servidor normalmente! screen -S tibia (OBS: o -S dessa palavra tem diferença, se você colocar o -S minúsculo (-s), haverá diferença de comando. Se quiser fechar o servidor, só digitar este comando de depois apertar CTRL+C. screen -x Então galera, o tutorial foi esse! Eu também achava que era MUITO complicado, mas é só isso! Se você gostou não esqueça de reputar, e até mais! (Créditos pelas imagens: @Natanael Beckman)
  4. Olá amigos do TibiaKing. Recentemente decidi iniciar um OT Server Tibia dedicado, já que meu pc não para em casa e minha internet não aguenta mais que 50 pessoas online. Problema número 1: Sou leigo. Contratei LOGO pela ServerCore (se isso for propaganda e for proibido, me avisem que eu refaço/edito ). A bendita da empresa não da suporte algum pra isso, inclusive quase me barraram de alterar o arquivo etc/apt/sources.list do servidor. ENFIM. Problema número 2: Contratei um servidor Debian 7. Linux. Não fazia ideia de como usar (agora eu tô meio que aprendendo na 'marra', mas acho que não cheguei nem a 2% do sistema). PROBLEMA PRINCIPAL: HELP! Um amigo me ensinou sobre essa coisa de compilar, que o linux não tem arquivos '.exe', etc. Porém, esses mapas baiak que a gente vê por aí não tem a pasta Sources com os arquivos .h e .cpp, logo TÔ SEM SABER O QUE FAZER Achei um baiak com a bendita da sources, porém é simples demais. Se eu pudesse alterar pelo menos o mapa, ficaria eternamente grato. A dúvida é: Tem como alterar o mapa do ot? Como eu faço isso? Que pastas devo mudar? Que alterações eu faço nas Sources? Antes que me mandem ir pro Google, eu já fui, achei apenas um tópico sobre isso e NÃO TEM RESPOSTA :x Eu já tentei trocar a pasta /data do OT, porém da tanto erro quando executo (desde coisas duplicadas a monstros inexistentes) que desisti de colocar online desse jeito. Por favor, alguma alma caridosa me ajude. Me ensinem a mudar o mapa ou me arranjem um baiak bonitinho com Sources, o trabalho e a facul não me deixam ter tempo de criar um
  5. E ai galera, venho para minha primeira contribuição! Tenho visto bastante pessoas com dificuldade ao compilar em Linux. Estarei inserindo imagens ao TUTORIAL para facilitar e melhor explicar. PROGRAMAS NECESSÁRIOS: http://the.earth.li/~sgtatham/putty/0.63/x86/putty.exe- Putty - Para conectar ao Terminal. http://sourceforge.net/projects/filezilla/files/FileZilla_Client/3.9.0.5/FileZilla_3.9.0.5_win32-setup.exe/download?use_mirror=ufpr -Filezilla - Para transferir arquivos ao servidor. PASSO 1: Acessar o servidor via SSH utilizando o programa Putty. (imagem Putty 1) (imagem Putty 2) PASSO 2: Digite os comandos abaixo no Putty após conectado. apt-get update apt-get upgrade PASSO 3: Instalando apache2 apt-get install apache2 cd /var/www PASSO 4: Instalando php5 cd /var/www apt-get install php5 /etc/init.d/apache2 restart Apache2 e PHP5 são necessários para deixar o website online. Você pode acessar através de seu IP faça o teste. Digite o seu IP no navegador. PASSO 5: Instalando MySQL, nos comandos abaixo será necessário a escolha de uma senha para o MySQL apt-get install mysql-server apt-get install libapache2-mod-auth-mysql apt-get install php5-mysql Concluída a instalação do MySQL, aplicação necessária para a Database do seu servidor. Você pode acessar através do seu IP seuip/phpmyadmin PASSO 6: Instalando phpmyadmin, os comandos abaixo será necessário a escolha de uma senha para acesso ao Banco de Dados. apt-get install phpmyadmin DEBIAN - ln -fvs /etc/phpmyadmin/apache.conf /etc/apache2/conf.d/phpmyadmin.conf /etc/init.d/apache2 restart UBUNTU - echo "include /etc/phpmyadmin/apache.conf" | sudo tee -a /etc/apache2/apache2.conf Feito isto, está quase tudo pronto. VOcê pode acessar seu banco de dados atraves do seu ip seguindo de /phpmyadmin. Ficando http://seuip/phpmyadmin Acesse seu banco de dados USER: root Password: selecionado no passo acima. PASSO 7: Compilando o servidor. Nos passos abaixo fará necessário a transferência de arquivos ao seu servidor, você usará o programa FILEZILLA. Código abaixo, necessário para instalação das Libs para compilar TFS 1.0, caso apareça alguma mensagem de Y ou N, digite Y sudo apt-get install git cmake build-essential liblua5.2-dev libgmp3-dev libmysqlclient-dev libboost-system-dev PASSO 8: Enviando o datapack, sources e website ao Servidor. Execute o aplicativo FILEZILLA (Imagem Filezilla 1) Acesse seu servidor com o mesmo usuário e senha para acessar o Putty. Usuário: root Senha: sua senha Acesse o diretório home /home Envie todos os arquivos para o /home (desktop), concluída transferencia é hora de compilar. PASSO 9: Acesse a pasta onde estão as Sources de seu TFS 1.0 cd /home/sources E execute o comando mkdir build && cd build PASSO 10: Instalando CMake apt-get install cmake PASSO 11: Execute o comando para compilar o servidos, neste passo se faz necessário você estar no diretório de suas Sources onde o arquivos CMakeLists.txt está e execute cmake .. PASSO 12: Compilando o TFS 1.0 make Concluída 100% seu servidor foi Compilado com sucesso. PASSO 13: Agora através do FILEZILLA, acesse o diretório /home/sources/build e mova o arquivo TFS para a pasta onde está seu datapack. Para facilitar em seu servidor, através FILEZILLA crie uma pasta chama otserv no diretório /home (imagem diretório datapack) Envie a pasta >>data<< o >>config.lua<< e o arquivo compilado >>TFS<< para dentro da pasta otserv. PASSO 14: Dando autorização para TFS, via Putty digite cd /home/otserv chmod 777 -R tfs PASSO 15: Ligando o TFS apt-get install screen screen ./tfs PASSO 16: Inserindo sua database ao MySQL. http://seuip/phpmyadmin Insira seu usuário e senha, conectado ao phpmyadmin, na área superior clique em SQL e execute o comando abaixo CREATE DATABASE global Acesse ao banco de dados criado, clique no banco de dados Global, vá até a aba superior Importar, escolha o a database de seu website no qual se encontra em seu computador e Execute. PASSO 17: Inserindo seu WebSite ao servidor. No FILEZILLA vá até o diretório abaixo /var/www Delete todos os arquivos existem dentro desta pasta, e transfira o seu website para dentro deste diretório. Faça as configurações em seu website através do config.php Lembrando que o server path deverá estar como abaixo. $config['site']['serverPath'] = "/home/otserv/"; PASSO 18: Concluído! Agora é só você estar fazendo as configurações de seu servidor e website. Pessoal, este é meu primeiro tutorial, caso haja algum erro ou haja alguma dúvida fico a disposição para os ajudar.
  6. Fala galerinha, blza ??? estou com problemas com minha distro OTX e a sua compatibilidade com o gesior. Sempre quando crio contas pelo acc manager não consigo logar no site. alguem sabe como retirar este problema ?? dizem que é o salt e devo mexer nas sources, oq sugerem ?? obrigado
  7. Olá! Estou tentando compilar meu servidor tfs 0.4, versão 8.6, Debian 7, 64bits... Eu coloquei as sources (trunk) na pasta /home, e ai eu to executando esse comando para compilar: sh ./autogen.sh &&./configure --enable-server-diag --enable-mysql --enable-root-permission && make -j 2 E ai aparece isso: (...) checking for openssl/err.h... yes checking for main in -lcrypto... yes checking for LUA... no checking lua.hpp usability... no checking lua.hpp presence... no checking for lua.hpp... no configure: error: "Lua header not found." LUA HEADER NOT FOUND. Eu achei alguns tutoriais que diziam que a solução era : wget http://www.lua.org/ftp/lua-5.1.4.tar.gz tar -xzvf lua* cd lua* make linux && make install then do ./configure again Ok. Mas quando vou digitar a parte do tar -xzvf lua*, aparece: tar (child): lua-5.1.4: Cannot read: Is a directory tar (child): At beginning of tape, quitting now tar (child): Error is not recoverable: exiting now gzip: stdin: unexpected end of file tar: Child returned status 2 tar: Error is not recoverable: exiting now Por favor, ajude! Consegui! Eu fiz: apt-get install libreadline-dev libncurses5-dev; wget http://www.lua.org/ftp/lua-5.1.4.tar.gz tar -xzvf lua-5.1.4.tar.gz cd lua-5.1.4/ make linux && make install E deu certo!
  8. poderiam me ajudar quando eu vo executar o comando screen ./starter.srv1.sh para abrir o server aparece ./starter.srv1.sh: line 5: ./server.srv1: No such file or directory -bash: ./starter.srv1.sh:: No such file or directory
  9. Fala Galera, Hoje eu venho trazer um tutorial a vocês de um Painel de Controle Online para gerenciamento de seu OT. Com este exemplo, creio que vai inspirar muita gente a criar novas ferramentas. Minha intenção era vincular ao Gesior, porém, deixo por conta da imaginação de vocês. Pré-requisitos: Liberar a função "shell_exec" no seu PHP. Instalar os comandos sudo e screen. Vamos Começar... Faça login no seu servidor com o root. Entre com o comando em negrito: pico /etc/init.d/theforgottenserver e adicione isso: #!/bin/sh # # Startup and signals management script for TheForgottenServer # case "$1" in start) echo -n "Starting theforgottenserver: " cd $2 && screen -AdmS ./theforgottenserver & echo "done." ;; stop) echo -n "Shutting down theforgottenserver: " killall -TERM theforgottenserver echo "done." ;; kill) echo -n "Killing theforgottenserver: " killall -KILL theforgottenserver echo "done." ;; quit) echo -n "Quitting theforgottenserver: " killall -QUIT theforgottenserver echo "done." ;; restart) $0 stop $0 start ;; reload) echo -n "Reloading theforgottenserver: " killall -CONT theforgottenserver echo "done." ;; save) echo -n "Saving theforgottenserver data: " killall -HUP theforgottenserver echo "done." ;; clean) echo -n "Cleaning theforgottenserver map: " killall -TRAP theforgottenserver echo "done." ;; refresh) echo -n "Refreshing theforgottenserver map: " killall -CHLD theforgottenserver echo "done." ;; close) echo -n "Setting theforgottenserver gamestate to closed: " killall -USR1 theforgottenserver echo "done." ;; open) echo -n "Setting theforgottenserver gamestate to normal: " killall -USR2 theforgottenserver echo "done." ;; *) echo "Usage: $0 {start path|stop|kill|quit|restart|reload|save|clean|refresh|close|open}" exit 1 esac exit 0 Pressione F2 e salve o arquivo. Agora entre com os seguintes comandos: chmod 777 /etc/init.d/theforgottenserver chown -R www-data.www-data /etc/init.d/theforgottenserver Em seguida, entre com o comando em negrito abaixo: visudo e adicione a linha abaixo no fim do arquivo: www-data ALL= NOPASSWD: /etc/init.d/theforgottenserver Pressione F2 e salve o arquivo. Bom, agora vamos configurar o site... Navegue até o diretório www (cd /var/www?) e crie um novo diretório chamado "controle" (mkdir controle && cd controle). Entre com o comando em negrito abaixo: pico index.php e cole: <?php $path = "/home/otserv"; //Altere para o diretório do seu servidor aqui $options = array("start" => true, "stop" => true, "kill" => true, "quit" => false, "restart" => true, "reload" => true, "save" => true, "clean" => true, "refresh" => false, "close" => true, "open" => true); echo "<html> <head> <meta content=\"text/html; charset=UTF-8\" http-equiv=\"content-type\"> <title>TheForgottenServer WWW Control</title> </head> <body style=\"color: rgb(0, 0, 0); background-color: rgb(204, 204, 255);\" alink=\"#000099\" link=\"#000099\" vlink=\"#990099\">\n"; if(isset($_GET['do']) && in_array($_GET['do'], $options) && $options[$_GET['do']]) { $output = shell_exec("/usr/bin/sudo /etc/init.d/theforgottenserver ".$_GET['do'].($_GET['do'] == "start" ? " ".$path : "")); echo nl2br($output)."\n<br />\n<a href=\"".$_SERVER['HTTP_REFERER']."\">&raquo Back</a>\n"; } else { echo "\t\tAvailable options:<br />\n"; foreach($options as $option => $enabled) { if($enabled) echo "\t\t<br />\n\t\t&raquo; <a href=\"".$_SERVER['PHP_SELF']."?do=".$option."\">".ucfirst($option)."</a>\n"; } } echo "\t</body> </html>"; ?> Pressione F2 e salve o arquivo. Bom galera, agora basta acessar http://seuip/controle e fazer o teste. Lembrando que dessa forma, qualquer um pode acessar, procure proteger com um arquivo .htacess ou integre ao seu website. OBS: Neste tutorial, foi usado o editor pico, porém isso fica a critério de vocês. Créditos: elf (tutorial em inglês) Bruno Minervino (redigir tutorial e fazer algumas alterações)
  10. Mod_Security - Protegendo seu Site/VPS/Dedicado! Olá galera do TK, hoje vou lhes ensinar como proteger o seu site, usando um mod do apache chamado "mod_security". O mod_security (http://www.modsecurity.org) é um firewall de aplicação, que roda como um módulo para o Apache. Categorizado como WAF (Web Application Firewall) ou firewall de aplicação, tem por objetivo bloquear diversos tipos de ataques, como o Cross-Site Scripting (XSS), SQL Injection, Command Injection, ASP e PHP Injection, Trojans & Backdoors Detection, dentre outros, que variam de acordo com as regras existentes. A ideia de funcionamento é essa: Agora vamos a parte prática! Instalação do Apache2 e PHP5 Convenções utilizadas neste tutorial: comando com "#" devem ser dados com o usuário root! Primeiro, vamos instalar o apache juntamente com o php. # apt-get install apache2 php5 libapache2-mod-php5 E para verificarmos a instalação do apache com suporte ao php5, vamos criar uma página com o seguinte conteúdo! # touch /var/www/teste.php | vi /var/www/teste.php Agora coloque o seguinte conteúdo dentro do arquivo <?php phpinfo(); ?> Depois basta acessar a página para ver se o php esta funcionando (http://www.seusite.com/teste.php) e quais componentes estão instalados, essa função do php exibe detalhadamente todas as informações de configurações do php5 dentro do seu servidor, então, logo após confirmar se esta tudo OK, apague esta página do servidor com o comando # rm /var/www/teste.php Instalando o Mod_Security Vamos baixar o o mod_security do site oficial, no presente documento a versão mais nova é a 2.7.2. Você pode verificar qual é a ultima versão em http://www.modsecurity.org/download/ # cd /usr/src # wget http://www.modsecurity.org/tarball/2.7.2/modsecurity-apache_2.7.2.tar.gz # tar zxvf modsecurity-apache_2.7.2.tar.gz Com isso, baixamos as sources para compilar o mod_security, mais antes devemos instalar algumas bibliotecas que o mod_security requer (descrito em sua documentação). # apt-get install libxml2-dev liblua5.1-0 lua5.1 apache2-threaded-dev build-essential libxml2 libxml2-dev libcurl3 libcurl3-dev Antes de compilar, devemos verificar se o "MAKE" esta instalado, então usamos o comando # apt-get install make Agora vamos compila-lo! # cd modsecurity-apache_2.7.2 # ./configure # make # make install Agora tem que ser criado o arquivo "/etc/apache2/mods-available/mod_security2.load", com o seguinte conteúdo: # vi /etc/apache2/mods-available/mod_security2.load Conteúdo do arquivo LoadFile /usr/lib/libxml2.so LoadFile /usr/lib/liblua5.1.so.0 LoadModule security2_module /usr/lib/apache2/modules/mod_security2.so Agora vamos habilitar os módulos que usaremos # a2enmod mod_security2 # a2enmod unique_id Configurando o Mod_Security Configuramos com o minimo necessário, para que o Mod-Security funcione: # cp modsecurity.conf-recommended /etc/apache2/conf.d/modsecurity.conf Agora baixe o pacote de regras mais atuais e vamos instalar. OBS: É sempre bom manter estas regras em sua ultima versão, pois a cada versão lançada, o mod_security passa a detectar e bloquear novas ameaças/ataques. * Neste tutorial, foi o 'ModSecurity-crs_2.2.5', mas pode conferir neste site: http://sourceforge.n...-crs/0-CURRENT/ # cd /etc/apache2/ # wget -O modsecurity-crs.tar.gz http://ufpr.dl.sourceforge.net/project/mod-security/modsecurity-crs/0-CURRENT/modsecurity-crs_2.2.5.tar.gz # tar xzvf modsecurity-crs_2.2.5.tar.gz # mv modsecurity-crs_2.2.5 /etc/apache2/modsecurity_crs # rm -fr modsecurity-crs.tar.gz # chown root.root /etc/apache2/modsecurity_crs/ -R # cd /etc/apache2/modsecurity_crs # mv modsecurity_crs_10_config.conf.example modsecurity_crs_10_config.conf Agora, ajustaremos as configurações do Mod-Security, para apontar os arquivos de Log onde queremos, e incluir apenas o pacote de regras que acabamos de baixar. Para fazer isso, edite o arquivo de configuração: # vi /etc/apache2/conf.d/modsecurity.conf Buscaremos seguintes linhas: # SecDebugLog /opt/modsecu # SecDebugLogLevel 3 Descomentamos elas e deixamos da seguinte forma: SecDebugLog /var/log/apache2/modsec_debug.log SecDebugLogLevel 3 Logo, devemos encontrar essas linhas; # SecAuditLogType Serial # SecAuditLog /var/log/modsec_audit.log Descomentamos elas e deixamos da seguinte forma: SecAuditLogType Serial SecAuditLog /var/log/apache2/modsec_audit.log No final do arquivo, adicione as seguintes linhas, que serão utilizados para carregar todas as regras do pacote que baixamos: Include /etc/apache2/modsecurity_crs/*.conf Include /etc/apache2/modsecurity_crs/base_rules/*.conf Salvar o arquivo e sair. Abaixo, prepararemos os Logs que vamos usar e vamos definir as permissões necessárias: # touch /var/log/apache2/modsec_debug.log # touch /var/log/apache2/modsec_audit.log # chown root.root /var/log/apache2/modsec_* # chmod 660 /var/log/apache2/modsec_* Verificando a configuração É isso, agora podemos confirmar no Apache para verificar se está tudo OK na configuração. Executar o seguinte comando no terminal, para ver se está tudo OK: # apache2ctl configtest Se estiver OK, vamos ver: Syntax OK * NÃO CONTINUE se não ver a mensagem acima! Agora, se tudo estiver OK, podemos reiniciar o Apache2: # /etc/init.d/apache2 restart Depois de reiniciar, podemos olhar para o Log de erros do Apache para ver se de fato carregou o módulo ModSecurity: # tail /var/log/apache2/error.log E devemos ver algo similar a: [sat Mai 26 19:15:59 2011] [notice] ModSecurity for Apache/2.6.3 (http://www.modsecurity.org/) configured [sat Mai 26 19:16:00 2011] [notice] ModSecurity: APR compiled version="1.4.2"; loaded version="1.4.2" [sat Mai 26 19:16:00 2011] [notice] ModSecurity: PCRE compiled version="8.2"; loaded version="8.02 2010-03-19" [sat Mai 26 19:16:00 2011] [notice] ModSecurity: LIBXML compiled version="2.7.8" [sat Mai 26 19:16:01 2011] [notice] Apache/2.2.9 (Debian) PHP/5.3.3-7+squeeze3 with Suhosin-Patch configured -- resuming normal operations É isso ae meus pequenos gafanhotos, com isso seus servidor web ficará mais seguro, pois o mod_security inclusive bloqueia ataques DDoS de pequena escala! Até a próxima! Referências: Wikipedia - PHP: http://pt.wikipedia.org/wiki/Php PHP - Hypertext Preprocessor: http://www.php.net http://www.modsecurity.org http://www.thebitsource.com - Securing Apache WEB Servers ModSecurity http://imasters.com.br - Instalando ModSecurity no Debian Conteúdo exclusivo TibiaKing - Se forem copiar, manter os devidos créditos!
  11. O Keeperian Foi Feito no Intuito de criar facilidade e misturar com um bom e velho RPG. Caso você precise de ajuda, temos a seção de guias, logo ao lado direito da página (-&gt;), então aproveitem, pois vocês acharão muitos mais guias. Informações do Servidor: XP Inicial de 200x, ajudando players ao iniciar; Protect Level 50; Caso você ainda esteja no protect level e morra, não perderá seu loot (mesmo sem aol); Skills: 40x || MagLevel: 15x || Loot: 3x || Spawn: 2x IP: www.keeperian.com Porta: 7171 Protocolo: 8.60 Para maiores informações, consultem nosso Server Info, localizado no Library. Enfim, estão esperando o que? Joguem, se divirtam, chamem seus amigos.

Open Tibia Server

Quer aprender a criar seu próprio servidor de Tibia? Então está no lugar certo, aqui você encontrará milhares de tutorias, scripts, códigos, mapas e utilitários para que você possa fazer o seu próprio servidor de Tibia partindo do zero.

Redes Sociais

Anuncie no Tibia King

Precisa de mais visibilidade em seus projetos? Quer publicidade para o seu servidor? Anuncie no Tibia King e faça sua divulgação, possuímos centenas de acessos simultâneos e milhares diários, com certeza será a sua solução! A publicação do seu anuncio é instantânea!

×
×
  • Create New...